Esportes

São Paulo sofre com lei do ex e perde para o Athletico-PR com gol de Vitor Bueno

Resultado fez o Furacão entrar para o G4 do Campeonato Brasileiro. Já o São Paulo segue na 10ª colocação na tabela, sete pontos longe do G6

São Paulo sofre com lei do ex e perde para o Athletico-PR com gol de Vitor Bueno
Foto: Athletico - PR

O Athletico-PR venceu o São Paulo por 1 a 0 na Arena da Baixada e agora está entre os quatro primeiros colocados na tabela do Campeonato Brasileiro. A equipe de Felipão contou com um gol de pênalti, convertido por Vitor Bueno.

A partida começou com o Athletico-PR pressionando o São Paulo. Logo no primeiro minuto, Felipe Alves fez sua primeira defesa com a camisa tricolor. As equipes ficaram se estudando, mas sem nenhuma finalização perigosa. Aos 7 minutos, Galoppo chegou a arriscar de fora da área, mas a bola foi para longe e não ofereceu risco.

Aos 15 minutos, o Tricolor paulista levou um susto após um erro da zaga. Vitor Bueno dominou, mas Felipe Alves saiu do gol e defendeu. Pouco tempo depois, Canobbio balançou as redes. Vitor Roque arriscou na entrada da área, mas a bola foi na trave. No rebote, o camisa 28 do Furacão bateu direto para o gol. Porém, o lance acabou anulado. O árbitro de vídeo confirmou um impedimento quanto a posição de Vitor Roque.

Na sequência da partida, o ritmo não se alterou muito. O jogo seguiu truncado na Arena da Baixada, ainda com poucas chances de perigo criadas. Aos 30 minutos, Rodriguinho arriscou de fora da área, mas a bola foi para longe do gol. Aos 38’, Vitor Bueno tentou um lance parecido. 

Aos 40’, Galoppo quase marcou. O argentino tabelou com Talles Costa, mas bateu fraco. A bola foi defendida por Bento. Porém, o destaque nos minutos finais foi para Felipe Alves. Após um erro de saída de bola do Rafinha, Vitor Roque puxou um contra-ataque e finalizou para boa defesa do novo goleiro do Tricolor paulista.

O primeiro tempo terminou em 0 a 0.

Volta do intervalo intensa e com pênalti defendido

Os primeiros minutos da etapa final foram tensos para a torcida são paulina e para o goleiro Felipe Alves. Após uma roubada de bola de Vitor Roque, o mais novo reforço do Tricolor cometeu a penalidade após uma rasteira no atacante. Mas o camisa 1 se redimiu ao defender a cobrança do zagueiro Thiago Heleno.

Depois do ocorrido, o jogo ficou com uma intensidade maior. Aos oito minutos de jogo, Marcos Guilherme arriscou, mas a bola parou nas mãos de Bento. Calleri, que entrou no segundo tempo no lugar de Rodriguinho, também tentou depois de um passe de Nikão.

Athletico-PR marca de pênalti e abre o placar

Se o primeiro pênalti marcado para o Furacão não deu certo, uma segunda oportunidade de abrir o placar desta forma surgiu. Canobbio foi derrubado na área por Moreira, e o árbitro marcou a infração. Desta vez, Vitor Bueno aplicou a lei do ex e colocou o Furacão na frente.

O São Paulo, por sua vez, sentiu o baque. Depois do gol da equipe adversária, o ritmo do time caiu demais. Mesmo com as alterações e a entrada de Luciano, o Tricolor diminuiu muito o seu volume de jogo, além de erros de passes.

Calleri marca, mas estava impedido

Nos últimos minutos da etapa final, o São Paulo tentou infiltrar a defesa do Furacão e buscar, pelo menos, um empate. Calleri recebeu um passe de Igor Gomes e tocou para o gol. Porém, na mesma hora, o árbitro marcou impedimento. A situação foi tão clara que nem precisou de VAR. 

Com a bola rolando até os 54 minutos, nenhuma novidade. O jogo terminou com o placar simples em favor do Athletico-PR.

E agora?

Com a vitória, o Furacão chega aos 34 pontos e agora está no quarto lugar na tabela da competição, entre os primeiros colocados. Agora, se prepara para um desafio na próxima semana. Na quinta-feira (4), enfrenta o Estudiantes, pelo jogo de ida pelas quartas da Copa Libertadores.

Já o São Paulo segue no 10º lugar, com 26 pontos. A equipe volta a jogar no Morumbi, na quarta-feira (3), contra o Ceará, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana.

FICHA TÉCNICA

ATHLETICO-PR  x  SÃO PAULO

Local: Arena da Baixada, Curitiba (PR)
Data/Horário: 31/7/2022, às 16h
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (CE)
Auxiliares: Bruno Raphael Pires (GO) e Nailton Junior de Sousa Oliveira (CE)
VAR: Rafael Traci (SC)
Público e renda: Não informado.
Cartão amarelo: Luizão, Felipe Alves, Nikão, Luciano (SP), Fernandinho, Thiago Heleno, Léo Cittadini (CAP).
Gols: Vitor Bueno (Aos 23’/2ºT)

ATHLETICO-PR: Bento; Khellven,  Matheus Felipe, Thiago Heleno, Abner Vinícius (Pedrinho, ao 1’/2ºT); Fernandinho, Erick, Vitor Bueno (Léo Cittadini, aos 34’/2ºT); Canobbio (Marcelo Cirino, aos 24’/2ºT), Cuello (Vitinho, aos 24’/2T) e Vitor Roque (Rômulo, aos 24’/2ºT). Técnico: Luiz Felipe Scolari.

SÃO PAULO: Felipe Alves; Rafinha, Miranda e Luizão (Léo, ao 1’/2ºT); Moreira, Pablo Maia, Talles Costa (Igor Gomes, ao 1’/2ºT), Rodriguinho (Calleri, ao 1’/2ºT) e Marcos Guilherme; Galoppo e Nikão (Luciano, aos 22’/2ºT). Técnico: Rogério Ceni.

 

Fonte: Lancenet 

----------------------
Receba GRATUITAMENTE nossas NOTÍCIAS! CLIQUE AQUI
----------------------

Envie sua sugestão de conteúdo para a redação:
Whatsapp Business PORTAL DE BELTRÃO NOTÍCIAS (46) 99902.0092 / (46) 2601.0898

Cotações

Dólar Americano/Real Brasileiro

R$ 5,12

Dólar Americano/Real Brasileiro Turismo

R$ 5,30

Dólar Canadense/Real Brasileiro

R$ 3,72

Libra Esterlina/Real Brasileiro

R$ 6,37

Peso Argentino/Real Brasileiro

R$ 0,01

Bitcoin/Real Brasileiro

R$ 339.852,00

Litecoin/Real Brasileiro

R$ 439,00

Euro/Real Brasileiro

R$ 5,45

Clima

Sábado
Máxima 28º - Mínima 20º
Céu nublado com aguaceiros e tempestades

Domingo
Máxima 25º - Mínima 20º
Céu nublado com aguaceiros e tempestades

Segunda
Máxima 25º - Mínima 21º
Céu nublado com aguaceiros e tempestades

Terça
Máxima 25º - Mínima 19º
Céu nublado com aguaceiros e tempestades

Quarta
Máxima 23º - Mínima 15º
Períodos nublados

Sobre os cookies: usamos cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.